Terapia Ocupacional, pluralidades e infâncias: o brincar como atividade significativa de crianças ao sul de Moçambique

Autores

  • Marina Di Napoli Pastore Instituto Superior de Ciencias de Saude, Maputo, Mocambique; UFSCar - Universidade Federal de São Carlos, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.51126/revsalus.v4i1.196

Palavras-chave:

crianças, Moçambique, perspectiva sociocultural, estudos das infâncias, terapia ocupacional na infância

Resumo

Introdução Os estudos recentes sobre crianças e infâncias no cenário mundial têm apontado para um entendimento das crianças como seres socioculturais e agentes ativos nas produções do mundo que as rodeia, encontrando no brincar possibilidades de releituras de mundos e de ações a partir de perspectivas socioculturais. Este trabalho apresenta uma pesquisa longitudinal realizada em Moçambique, com crianças dos três aos quinze anos de idade, em que a discussão sobre o brincar e a relação com a terapia ocupacional se coloca presente. Objetivo: Compreender o brincar como atividade significativa das crianças e o papel do terapeuta ocupacional enquanto pesquisador. Material e Métodos: Etnografia com pesquisa de campo em Moçambique, na comunidade da Matola A, na comunidade de Mabotine e em Nhandlovo, entre os anos de 2014 e 2018. Resultados: A partir dos dados levantados e analisados, os principais pontos trabalhados envolveram: o brincar e a construção dos brinquedos a partir de material de desuso (descarte); o brincar e a relação com a natureza e as paisagens; imagens do brincar e o uso da fotografia. Os resultados apontam para um caleidoscópio de diversidades e linguagens utilizadas pelas crianças no brincar, compreendido como forma de estar no mundo e a partir de suas relações espaço-temporais. Conclusão: Esta pesquisa contribui para os estudos com crianças e infâncias em terapia ocupacional nos países lusófonos e não somente, englobando a criança ao seus modos de vida e contextos históricos e amplia possibilidades de ações e pesquisa em contextos e perspectivas socioculturais.

Downloads

Publicado

2022-05-04

Como Citar

Di Napoli Pastore, M. (2022). Terapia Ocupacional, pluralidades e infâncias: o brincar como atividade significativa de crianças ao sul de Moçambique. RevSALUS - Revista Científica Internacional Da Rede Académica Das Ciências Da Saúde Da Lusofonia, 4(1). https://doi.org/10.51126/revsalus.v4i1.196