O contributo da Terapia Ocupacional para a implementação de sistemas aumentativos e alternativos de comunicação em crianças com paralisia cerebral: uma scoping review

Autores

  • Francisca Duarte Escola Superior de Saúde, Politécnico de Leiria, Leiria, Portugal
  • Gabriela Leal Escola Superior de Saúde, Politécnico de Leiria, Leiria, Portugal
  • Sara Mira Escola Superior de Saúde de Leiria
  • Sofia Ribeiro Escola Superior de Saúde, Politécnico de Leiria, Leiria, Portugal
  • Jaime Ribeiro Escola Superior de Saúde, Politécnico de Leiria, Leiria, Portugal; Center for Innovative Care and Health Technology (ciTechCare), Politécnico de Leiria, Leiria, Portugal; Centro de Investigação em Didática e Tecnologia na Formação de Formadores (CIDTFF), Universidade de Aveiro, Portugal

DOI:

https://doi.org/10.51126/revsalus.v4i1.197

Palavras-chave:

comunicação, crianças, paralisia cerebral, sistemas aumentativos e alternativos de comunicação, terapia ocupacional

Resumo

Introdução: A Paralisia Cerebral (PC) é uma lesão do Sistema Nervoso Central com forte impacto na funcionalidade. As alterações neuromusculoesqueléticas, sensoriopercetivas e cognitivas originam frequentemente necessidades complexas de comunicação, cuja intervenção multidisciplinar passa amiudadamente pela implementação de Sistemas Aumentativos e Alternativos de Comunicação (SAAC). O terapeuta ocupacional pode colaborar para esta intervenção, sobretudo quando são envolvidas Tecnologias de Apoio (TA). Objetivo: Descrever o processo da Terapia Ocupacional (TO) na implementação de SAAC, em crianças com PC, verificando a influência nas atividades, cuja participação está restringida por défices na comunicação. Metodologia: Scoping Review desenvolvida com base no guia orientador Preferred Reporting Items for Systematic Reviews and Meta-Analyses extension for Scoping Reviews (PRISMA-ScR) e de acordo com o protocolo do Joanna Briggs Institute (JBI), encetada com pesquisa na b-on. Foi realizada uma análise categorial temática dos artigos com recurso ao software webQDA. Resultados: Foram selecionados 10 artigos, dos 353 estudos inicialmente encontrados, de acordo com os critérios de inclusão, demonstrando a contribuição do processo da TO, a importância de uma equipa multidisciplinar, bem como, a identificação de lacunas, que sugerem investimento em investigações futuras. Conclusão: A TO tem um papel pertinente na implementação de SAAC na: avaliação, com identificação das capacidades e necessidades a diferentes níveis, incluindo o posicionamento, tipo de acesso mais adequado e contextos; intervenção, através do posicionamento, da adaptação e treino de utilização de SAAC, de formação, consultadoria e advocacy das partes interessadas. A implementação de SAAC é uma área que ainda carece de investimento em investigação e formação.

Downloads

Publicado

2022-06-21

Como Citar

Duarte, F., Leal, G., Mira, S., Ribeiro, S., & Ribeiro, J. (2022). O contributo da Terapia Ocupacional para a implementação de sistemas aumentativos e alternativos de comunicação em crianças com paralisia cerebral: uma scoping review. RevSALUS - Revista Científica Internacional Da Rede Académica Das Ciências Da Saúde Da Lusofonia, 4(1). https://doi.org/10.51126/revsalus.v4i1.197