Importância do pai nas consultas do pré-natal: a perceção das grávidas inscritas nas consultas pré-natal no centro de saúde de Fonte Inês

Autores

  • Deisy Gomes Escola Superior de Saúde, Universidade do Mindelo, Cidade do Mindelo, Cabo Verde
  • Jerícia Duarte Escola Superior de Saúde, Universidade do Mindelo, Cidade do Mindelo, Cabo Verde

DOI:

https://doi.org/10.51126/revsalus.v5iSupii.680

Palavras-chave:

Gravidez, pré-natal, importância do pai, paternidade, assistência de enfermagem

Resumo

Introdução: Gravidez é processo fisiológico que evidencia muitas mudanças no corpo da mulher. Corresponde a um período de transição acompanhada de transformações físicas, psicológicos e afetivas, surge muitas dúvidas, incertezas e receios sendo importante que a grávida receba todo o suporte nas consultas de pré-natal, afirmando a assistência de saúde para o binómio mãe-filho. A figura paternal deve ser incluída nesse processo oferecendo apoio emocional à mulher. Pois está associado a vários benefícios das quais o suporte emocional, diminuição do tempo de trabalho de parto, do uso de medicações e de cesáreas, aumento do índice de Apgar e amamentação duradoura entre outros (Ribeiro et al., 2015 & Menezes et al.,2019). Objetivo: Descrever a perceção das grávidas inscritas nas consultas de pré-natal no Centro de Saúde de Fonte Inês (CSFI) sobre a importância do pai nas consultas de pré-natal. Material e Métodos: Baseou-se num estudo qualitativo, descritivo, exploratório de abordagem fenomenológica. O instrumento de recolha de informações escolhido foi uma entrevista semiestruturada. A população alvo do estudo foram as grávidas inscritas no CSFI nos meses de julho e agosto de 2020 e participaram do estudo 10 grávidas. Foram incluídas nesta investigação as grávidas com idade superior a 18 anos que se encontravam inscritas no CSFI; com idade gestacional igual ou superior a 28 semanas e que quiseram de forma espontânea. Foram excluídas as grávidas com algum transtorno mental ou deficit cognitivo e as de alto risco. Para análise dos dados utilizou análise de conteúdo de Bardin (1977). Resultados e Conclusões: Os resultados obtidos evidenciam que a presença do pai nas consultas de pré-natal é importante durante todo o processo de gravidez, pois acompanha a gravidez, estabelece o vínculo pai-bebé, ajuda no emocional da grávida, autocuidado, autoestima e é uma forma do casal desfrutarem a gravidez. No que toca aos fatores que dificultam a presença do pai nas consultas foram referidas a falta de interesse do pai, aspetos culturais e também a carga horária laboral coincidir com o horário das consultas. Deve ser cria as condições para que ele possa exercer a sua participação de forma consciente e informada, é preciso apostar na divulgação, estimulação e no reconhecimento acerca da importância da presença do pai no acompanhamento das consultas de pré-natal.

Publicado

2024-01-15

Como Citar

Importância do pai nas consultas do pré-natal: a perceção das grávidas inscritas nas consultas pré-natal no centro de saúde de Fonte Inês. (2024). RevSALUS - Revista Científica Internacional Da Rede Académica Das Ciências Da Saúde Da Lusofonia, 5(Supii), 25. https://doi.org/10.51126/revsalus.v5iSupii.680

Artigos Similares

1-10 de 455

Também poderá iniciar uma pesquisa avançada de similaridade para este artigo.