Sono como determinante de saúde para o desenvolvimento da criança

Autores

  • Vera Geraldes Departamento de Saúde Higiene e Segurança da Câmara Municipal de Lisboa, Lisboa; Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, Lisboa; Centro de Investigação, Inovação e Desenvolvimento em Enfermagem da Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, Lisboa, Portugal
  • Ana Rute Gomes Unidade de Saúde Pública Lisboa Central do Agrupamento de Centros de Saúde Lisboa Central, Lisboa, Portugal
  • Sofia Lourenço Departamento de Saúde Higiene e Segurança da Câmara Municipal de Lisboa, Lisboa; Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, Lisboa, Portugal
  • Andreia Silva Costa Centro de Investigação, Inovação e Desenvolvimento em Enfermagem da Escola Superior de Enfermagem de Lisboa; Instituto de Saúde Ambiental da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa, Lisboa; Laboratório TERRA, Lisboa, Portugal

DOI:

https://doi.org/10.51126/revsalus.v5iSupii.686

Palavras-chave:

Crianças, sono, enfermagem, escola, promoção da saúde

Resumo

Introdução: O sono é um importante determinante de saúde que contribui para o desenvolvimento da criança e para o bem-estar das famílias. A escola é um contexto privilegiado para a promoção da saúde, devendo a abordagem ocorrer nos primeiros anos de escolaridade. A intervenção da enfermagem comunitária deve incidir sobre a literacia em saúde, desenvolvendo estratégias de promoção de hábitos de sono saudáveis. Objetivos: Identificar e mapear a literatura científica existente sobre as intervenções de enfermagem no âmbito da promoção da literacia em saúde sobre hábitos de sono saudáveis, das crianças dos 6 aos 12 anos, em contexto de saúde escolar. Material e Métodos: Foi realizada uma revisão scoping que seguiu a metodologia recomendada pelo Joanna Briggs Institute. A pesquisa foi realizada entre 25 e 30 de maio de 2023, nas bases de dados CINAHL e MEDLINE da plataforma EBSCOhost e na PubMed, sendo utilizados os descritores: crianças, sono, hábitos de sono, enfermagem e escola, por meio do operador booleano AND. Foram considerados como critérios de inclusão o acesso a texto completo, publicações com friso cronológico até 5 anos, artigos em que a idade das crianças se situa entre os 6 e os 12 anos. Resultados: A pesquisa resultou em sete estudos: 2 da Turquia, 1 do Japão, 1 da Austrália, 1 do Irão, 1 da Finlândia e 1 de Portugal. Os resultados evidenciaram que os problemas de sono são frequentes nas crianças, podendo afetar a sua saúde física e mental e que a enfermagem em contexto escolar é fundamental no desenvolvimento de programas para melhorar o sono das crianças, com o envolvimento da comunidade escolar (Shamsaei et al., 2019, Silva et al, 2018; Top et al., 2022). Conclusões: Todos os estudos destacam a importância do sono no crescimento e desenvolvimento das crianças e salientam a relevância da promoção da literacia em saúde, para capacitar a comunidade escolar (crianças, famílias, professores). Neste sentido é destacado o papel da enfermagem comunitária em contexto escolar, uma vez que em muito pode contribuir para a capacitação da comunidade escolar, através de intervenções promotoras de hábitos de sono saudáveis.

Publicado

2024-01-15

Como Citar

Sono como determinante de saúde para o desenvolvimento da criança. (2024). RevSALUS - Revista Científica Internacional Da Rede Académica Das Ciências Da Saúde Da Lusofonia, 5(Supii), 28. https://doi.org/10.51126/revsalus.v5iSupii.686

Artigos Similares

1-10 de 461

Também poderá iniciar uma pesquisa avançada de similaridade para este artigo.