Nível de conhecimento, de utilização e perceção da eficácia dos suplementos segundo o nível de atividade física

Autores

  • Isabel Pinto Ribeiro Núcleo de Investigação em Ciências e Tecnologias da Saúde – NICiTeS, Escola Superior de Saúde Ribeiro Sanches, Instituto Português da Lusofonia (IPLuso) Lisbon, Portugal
  • Miguel Faria Núcleo de Investigação em Ciências e Tecnologias da Saúde – NICiTeS, Escola Superior de Saúde Ribeiro Sanches, Instituto Português da Lusofonia (IPLuso) Lisbon, Portugal
  • Mónica Teixeira Núcleo de Investigação em Ciências e Tecnologias da Saúde – NICiTeS, Escola Superior de Saúde Ribeiro Sanches, Instituto Português da Lusofonia (IPLuso) Lisbon, Portugal

DOI:

https://doi.org/10.51126/revsalus.v5iSupii.741

Palavras-chave:

Suplementos, idade, atividade física, utilização, eficácia

Resumo

Introdução: Com o crescente interesse por um estilo de vida saudável, aprimoramento do desempenho desportivo e promoção da saúde em diversos contextos, o uso de suplementos tem-se tornado cada vez mais comum (National Institute of Health, 2020). No entanto, a eficácia, segurança e adequação desses suplementos para cada grupo populacional ainda são temas de investigação (Henselmans et al., 2022). Objetivo: Avaliar o nível de conhecimento, de utilização e perceção da eficácia dos suplementos em indivíduos segundo o seu nível de atividade física. Material e Métodos: Foi utilizado um questionário original colocado online entre Abril e Junho de 2023 e dirigido à população ativa. A amostra é constituída por 450 indivíduos  (201 homens e 249 mulheres) com idades entre 18 e 65 anos (M=29.2, DP=11.4). Resultados: Os suplementos vitamínicos e energéticos são os mais bem conhecidos, mais utilizados e com superior perceção de eficácia em ambos os grupos. O grupo com alto nível de atividade física apresenta valores significativamente superiores no conhecimento e utilização, e significativamente inferiores quanto à perceção da sua eficácia. Os suplementos com menor grau de conhecimento e utilização foram o arroz vermelho, a glicosamina e a condroitina. Discussão: O alto ou baixo nível de atividade física vai implicar diferenças no nível de conhecimento, utilização e perceção de eficácia dos suplementos avaliados.

Publicado

2024-01-15

Como Citar

Nível de conhecimento, de utilização e perceção da eficácia dos suplementos segundo o nível de atividade física . (2024). RevSALUS - Revista Científica Internacional Da Rede Académica Das Ciências Da Saúde Da Lusofonia, 5(Supii), 68-69. https://doi.org/10.51126/revsalus.v5iSupii.741

Artigos Similares

1-10 de 215

Também poderá iniciar uma pesquisa avançada de similaridade para este artigo.