Promoção de estilos de vida saudáveis dos enfermeiros de uma instituição de cuidados de saúde

Autores

  • Ana Catarina Trindade Escola Superior de Saúde Jean Piaget de Vila Nova de Gaia, Portugal
  • Ana Catarina Gonçalves Escola Superior de Saúde Jean Piaget de Vila Nova de Gaia, Portugal
  • Cátia Pessoa Escola Superior de Saúde Jean Piaget de Vila Nova de Gaia, Portugal
  • Marta Varanda Escola Superior de Saúde Jean Piaget de Vila Nova de Gaia, Portugal
  • Mafalda Silva Escola Superior de Saúde Jean Piaget de Vila Nova de Gaia, Portugal
  • Margarida Ferreira Escola Superior de Saúde Jean Piaget de Vila Nova de Gaia, Portugal

DOI:

https://doi.org/10.51126/revsalus.v5iSupii.758

Palavras-chave:

Estilo de vida saudável, saúde ocupacional, promoção da saúde, saúde dos trabalhadores

Resumo

Introdução: O direito do trabalhador a um ambiente laboral seguro e saudável é fundamental, passando pela implementação de estratégias preventivas. A Saúde Ocupacional (SO) vai além da prevenção de acidentes/doenças relacionadas ao trabalho, tendo uma abordagem mais ampla para o bem-estar geral dos trabalhadores (Farias et al., 2022). A adoção de estratégias e programas de promoção de saúde no trabalho têm impactos positivos para o empregador e trabalhador, estimulando Estilos de Vida (EV) saudável, resultando num trabalho mais produtivo, reduzindo problemas de saúde e absentismo (Farias et al., 2022). No percurso profissional, os enfermeiros ficam expostos a novos padrões, como a alimentação, consumo de álcool, tabaco, café, diminuição da atividade física e alterações do sono traduzindo-se em comportamentos de risco (Ferreira et al., 2023). O enfermeiro do trabalho desempenha um papel crucial na procura pelo equilíbrio entre os interesses da empresa e a proteção da saúde e bem-estar dos trabalhadores (Yilgin et al., 2021). A promoção da saúde dos trabalhadores é fundamental na gestão de recursos humanos, é essencial privilegiar o contato com os trabalhadores, promovendo uma relação de confiança, quando se trata das intervenções do enfermeiro do trabalho, integrado na equipa multidisciplinar (Ferreira et al., 2023).  Objetivos: Identificar as práticas de EV saudáveis. Material e Métodos: Planeamento em Saúde. Aplicado o questionário EV Fantástico aos enfermeiros que prestam cuidados numa instituição de saúde. Obtido parecer favorável da comissão de ética. Resultados: 70% dos participantes são do sexo feminino com idades entre os 20-30 anos (50%), 58% são solteiros. Cerca de 53% referem dormir mal, 53% apresentam dificuldade em gerir o stress do dia a dia e 53% mencionam que só conseguem relaxar às vezes. 89% sentem-se acelerados e/ou atarefados e 51% aborrecidos e/ou agressivos algumas vezes, no entanto 43% vivenciam sentimentos otimistas e positivos. 53% sentem-se algumas vezes tensos ou oprimidos e 55% algumas vezes tristes ou deprimidos. Conclusões: Os EV pouco saudáveis afetam a qualidade de vida dos trabalhadores. No estudo desenvolvido verificou-se que nos domínios de Sono e Stress, Trabalho e Personalidade e Introspeção necessitam de uma intervenção estruturada, promovendo um ambiente de trabalho saudável.

Publicado

2024-01-15

Como Citar

Promoção de estilos de vida saudáveis dos enfermeiros de uma instituição de cuidados de saúde. (2024). RevSALUS - Revista Científica Internacional Da Rede Académica Das Ciências Da Saúde Da Lusofonia, 5(Supii), 81-82. https://doi.org/10.51126/revsalus.v5iSupii.758

Artigos Similares

1-10 de 513

Também poderá iniciar uma pesquisa avançada de similaridade para este artigo.

Artigos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)