Barreira e facilidades na utilização da realidade virtual como estratégia de alívio da dor no trabalho de parto: revisão scoping

Autores

  • Marta Coelho Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, Lisboa; CIDNUR – Centro de Investigação, Inovação e Desenvolvimento em Enfermagem de Lisboa, Lisboa, Portugal
  • Alexandra Tereso Escola Superior de Enfermagem de Lisboa, Lisboa; CIDNUR – Centro de Investigação, Inovação e Desenvolvimento em Enfermagem de Lisboa, Lisboa, Portugal

DOI:

https://doi.org/10.51126/revsalus.v5iSupii.760

Palavras-chave:

Realidade virtual, dor no trabalho de parto, enfermagem obstétrica, parturiente

Resumo

Introdução: Na promoção duma experiência positiva de trabalho de parto é importante que os enfermeiros especialistas em saúde materna e obstétrica privilegiem a avaliação da dor e o recurso às estratégias não farmacológicas para o alívio da dor. Destas estratégias, destaca-se a realidade virtual pela facilidade de utilização e por permitir a diminuição dos níveis de dor através do desvio de atenção do mundo real utilizando computadores e outros dispositivos. Importa mapear os fatores facilitadores e as barreiras associadas à sua utilização, para que possa ser efetuado o planeamento da disseminação do conhecimento existente e da sua translação para os cuidados de enfermagem especializados durante a primeira fase do trabalho de parto. Objetivo: Mapear a evidência sobre os fatores facilitadores e as barreiras na utilização da RV como estratégia não farmacológica de alívio da dor durante o trabalho de parto em contexto hospitalar. Métodos: Esta revisão scoping seguiu as orientações divulgadas pelo Joanna Briggs Institute. Para a pesquisa foram consideradas as bases de dados MEDLINE, CINAHL, Cochrane Database of Systematic Reviews e MedicLatina através da plataforma EBSCOhost, o Joanna Briggs Institute EBP Database, através da plataforma Ovid e, é também incluída a literatura cinzenta. Como critérios de inclusão foram considerados estudos qualitativos, quantitativos e mistos (com base na mnemónica PCC-População, Conceito e Contexto), publicados em língua portuguesa, espanhola ou inglesa entre 2017 e 2023. Resultados: Um total de 13 artigos foi incluído nesta revisão. Existe um crescente interesse na utilização da técnica como estratégia de alívio da dor no trabalho de parto. A maioria dos estudos concentra-se em questões de efetividade da técnica. No entanto, foi possível identificar barreiras e facilidades da sua utilização e os resultados agrupados quanto a condição física e psicoemocional da parturiente, o ambiente, ao uso equipamento, aos profissionais de saúde, a fatores organizacionais e questões éticas. Conclusão: O conhecimento das barreiras e facilidades da utilização da Realidade Virtual como estratégia do alívio da dor no trabalho permitiram encontrar estratégias que garantem o sucesso da implementação da técnica nos Blocos de Parto.

Publicado

2024-01-15

Como Citar

Barreira e facilidades na utilização da realidade virtual como estratégia de alívio da dor no trabalho de parto: revisão scoping. (2024). RevSALUS - Revista Científica Internacional Da Rede Académica Das Ciências Da Saúde Da Lusofonia, 5(Supii), 83. https://doi.org/10.51126/revsalus.v5iSupii.760

Artigos Similares

1-10 de 444

Também poderá iniciar uma pesquisa avançada de similaridade para este artigo.