Efeitos imediatos da terapia por percussão em indivíduos com lombalgia inespecífica

Autores

  • Gabriela Brochado Escola Superior de Tecnologias da Saúde do Tâmega e Sousa, Paredes; H²M -Unidade de Investigação em Saúde e Movimento Humano, Instituto Politécnico de Saúde do Norte, Vila Nova de Famalicão, Portugal
  • Maxence Beyney Escola Superior de Tecnologias da Saúde do Tâmega e Sousa, Paredes, Portugal
  • Maxence Harymbat Escola Superior de Tecnologias da Saúde do Tâmega e Sousa, Paredes, Portugal
  • Lionel Serrano Escola Superior de Tecnologias da Saúde do Tâmega e Sousa, Paredes, Portugal
  • Ágata Vieira Escola Superior de Tecnologias da Saúde do Tâmega e Sousa, Paredes; H²M -Unidade de Investigação em Saúde e Movimento Humano, Instituto Politécnico de Saúde do Norte, Vila Nova de Famalicão; Escola Superior Santa Maria, Porto; CIR - Centro de investigação em reabilitação da Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico do Porto, Porto, Portugal
  • Ana Coelho Escola Superior de Tecnologias da Saúde do Tâmega e Sousa, Paredes, Portugal
  • Sofia Lopes Escola Superior de Tecnologias da Saúde do Tâmega e Sousa, Paredes; H²M -Unidade de Investigação em Saúde e Movimento Humano, Instituto Politécnico de Saúde do Norte, Vila Nova de Famalicão; CIR - Centro de investigação em reabilitação da Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico do Porto, Porto; Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico do Porto, Porto, Portugal

DOI:

https://doi.org/10.51126/revsalus.v5iSupii.764

Palavras-chave:

Amplitude de movimento, dor lombar, flexibilidade, pistola de massagem

Resumo

Introdução: A lombalgia inespecífica é definida como uma dor não atribuível a uma condição conhecida. É, atualmente, um dos maiores problemas de saúde pública, verificando-se um aumento na utilização da massagem percussiva, a nível terapêutico e desportivo. Objetivo: Avaliar os efeitos imediatos da massagem de percussão na redução da dor, na amplitude de movimento da flexão lombar e na flexibilidade da cadeia posterior em indivíduos com lombalgia inespecífica. Metodologia: Ensaio clínico randomizado, duplamente cego, em 40 participantes, divididos em grupo experimental (GE) e controlo (GC). Os grupos incluíam indivíduos de ambos os sexos, sendo que se verificou uma homogeneidade nas variáveis sexo, idade, IMC e local e tipo de dor entre os grupos. Realizou-se uma massagem na região lombar durante 5 minutos, utilizando uma pistola de percussão (Wattne®) com uma frequência de 53Hz, estando o mecanismo de percussão apenas ativo no GE. Foi aplicado um questionário de caracterização e utilizadas as escalas numérica da dor, Schober test e Sit and reach test antes e após a intervenção. Resultados: Na análise intragrupo verificou-se uma diminuição da dor em ambos os grupos (GE: p<0,001; GC: p<0,035), sendo que imediatamente após a intervenção a dor no GE era significativamente inferior à do GC (p<0,001). Verificou-se ainda, na análise intragrupo, um aumento na flexibilidade da cadeia posterior em ambos os grupos (GE: p<0,001; GC: p=0,010) e um aumento da amplitude de movimento da flexão lombar apenas no grupo experimental (p<0,001), não havendo, contudo, diferenças estatisticamente significativas entre os grupos após a intervenção (p=0,372; p=0,308). Conclusões: A terapia por percussão teve efeitos imediatos na redução da dor, não se podendo afirmar o mesmo relativamente à flexibilidade da cadeia posterior nem à amplitude de movimento da flexão da coluna lombar.

Publicado

2024-01-15

Como Citar

Efeitos imediatos da terapia por percussão em indivíduos com lombalgia inespecífica. (2024). RevSALUS - Revista Científica Internacional Da Rede Académica Das Ciências Da Saúde Da Lusofonia, 5(Supii), 86-87. https://doi.org/10.51126/revsalus.v5iSupii.764

Artigos Similares

1-10 de 438

Também poderá iniciar uma pesquisa avançada de similaridade para este artigo.

Artigos mais lidos do(s) mesmo(s) autor(es)